Você não sabe nada
Série NabucoFin Resolve (comics)
28/11/2016
06 dias
Como organizar um empreendimento em rede
03/12/2016

Work in progress

Fiintechs

O chamado sistema financeiro alternativo, em rede, está ficando duca. Estamos aqui em imersão profunda ultimando as funcionalidades, correndo contra o tempo: só porque colocamos uma data para a partida (mas tínhamos que colocar mesmo).

A ideia básica é simples: quais as operações financeiras que você precisa realizar? E aí montamos arranjos de instrumentos tradicionais e alternativos (fintechs) + pessoas (sim, as pessoas são mais importantes do que as tecnologias físicas ou digitais) que permitem realizar essas operações, descrevendo o mapa da mina para cada uma delas.

A partir de cada necessidade (listamos quase 40), abre-se um fluxograma específico com duas perguntas: 1) o que eu posso fazer sozinho?; e 2) o que eu posso fazer com meus amigos?

Cada uma dessas perguntas desemboca, por sua vez, numa bifurcação: a) tenho (temos) conta corrente em um banco; e b) não tenho (temos) conta corrente em um banco (nem crédito).

Em seguida, vêm as árvores de possibilidades, com vários caminhos saindo de cada uma das pernas da bifurcação.

Desenvolvemos uma tecnologia social (a tecnologia NabucoFin) que pode ser usada por qualquer rede de pessoas para potencializar, otimizar e contornar as limitações dos novos instrumentos financeiros alternativos que estão surgindo.

Incluímos para começar cerca de 30 desses instrumentos alternativos que qualquer pessoa pode adquirir mesmo que esteja sob restrições e sem comprovação de renda.

Mas o fundamental (ou melhor, o diferencial ou o pulo do gato) não é a descrição do uso de cada instrumento em separado, para os fins a que se propõem e sim explorar combinações inéditas entre eles (que não foram imaginadas por seus criadores, que em geral não pensaram em rede quando os desenvolveram e acabaram formatando tudo, via de regra, para uso individual). Mas mesmo para uso individual a coisa funciona.

Já temos um número suficiente de early adopters para começar a rodar a estrumela. Mas sempre cabe mais um.

comments powered by HyperComments